skip to Main Content

Entenda tudo sobre o guia de sucesso para declaração do IR 2022

A Declaracao Do Ir E Muito Mais Facil Do Que A Maior Parte Das Pessoas Acredita Acompanhe Nosso Texto Para Conhecer O Guia De Sucesso Para 2022 Blog - Contabilidade em Cascavel | Resultado Contábil

Compartilhe nas redes!

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Guia de sucesso do IR 2022

Saber como fazer a declaração do IR é importante para que você não tenha problemas com a malha fina da Receita Federal

Nós resolvemos trazer aqui este guia de sucesso do IR 2022 para você entender exatamente o que é preciso fazer para declarar seu imposto de renda.

Aqui no Brasil, qualquer pessoa que more no país e tenha uma renda que seja superior a R$ 29.000,00 precisa fazer uma prestação de contas à Receita Federal.

Essa prestação de contas é a declaração do Imposto de Renda, que deve acontecer anualmente, entre fevereiro e março.

Apesar de ser algo bastante comum, o fato é que a maior parte das pessoas ainda têm muitas dúvidas sobre como declarar o IR corretamente.

Além disso, as dúvidas a respeito de como fazer essa declaração são muitas e por isso  é necessário que você entenda todos os detalhes.

Afinal, declarar o seu imposto de renda de maneira errada pode ocasionar sérios problemas junto à Receita, além do pagamento de multas e juros altos.

Você vai compreender, a partir de agora, como a declaração do IR é algo muito mais simples do que a maior parte acredita e fácil de ser compreendido.

Para que você entenda tudo a respeito de como funciona a declaração do IR 2022, esse guia de sucesso vai mostrar os passos mais essenciais.

Conheça agora quais são eles e simplifique a sua vida!

Imposto de Renda: O que é esse tributo?

Antes de qualquer coisa, vamos falar sobre o que significa o Imposto de Renda, caso essa seja a primeira vez que você vai declará-lo ou não.

O Imposto de Renda, conhecido como IR ou ainda como Imposto sobre a renda, trata-se de um tipo de tributo que existe em diferentes países.

Cada um dos contribuintes, não importa se pessoa física ou jurídica, deve pagar uma porcentagem específica da sua renda para o governo.

O objetivo principal do pagamento do IR, é permitir que o governo tenha auxílio financeiro para o fomento das mais diferentes políticas públicas.

Além disso, o dinheiro serve também para manter órgãos e prédios públicos funcionando, como é o caso das escolas e hospitais.

Durante os 12 meses do ano, cada contribuinte vai ganhando e gastando o seu dinheiro, sendo a renda tributada sempre que você recebe o dinheiro em mãos.

Logo após, você faz a declaração do Imposto de Renda para a Receita Federal, que vai avaliar se a quantia paga realmente é o que deveria ter sido quitado.

Um ponto importante sobre o IR 2022, aliás, é que as pessoas que receberam o auxílio emergencial nos últimos 2 anos vão precisar declarar esse benefício à Receita.

Além disso, todo contribuinte que tiver recebido, ao longo do ano, um valor maior do que R$ 28.559,70, não contando o auxílio, vai precisar declarar o benefício e devolvê-lo para a Receita.

Rendimentos tributáveis no IR 2022

O Imposto de Renda exige que certos rendimentos, considerados como tributáveis, sejam sempre declarados, como as pensões, a aposentadoria, o salário e a renda com imóveis ou com investimentos.

Caso a soma de todos esses valores for superior a R$ 28.559,70, então você terá que, obrigatoriamente, fazer a declaração do IR.

Mais uma situação onde o contribuinte precisa declarar o IR, é no caso de colaborador demitido que teve direito ao FGTS.

Esse valor causa um aumento nos rendimentos extras recebidos, precisando estar atento para a necessidade de declarar esse valor também.

Se você não estiver atento a isso, pode acabar não declarando o que deveria ter colocado no seu IR, gerando problemas junto ao fisco.

Imposto de Renda: como fazer a declaração dele?

A declaração do IR está entre um dos maiores problemas que os contribuintes enfrentam, não há dúvidas.

O processo em si, é simples e todo o sistema gerado pela Receita Federal para os contribuintes é bem intuitivo, mas ainda assim a declaração gera dificuldades.

Você precisa estar bem atento até mesmo para que não cometa erros que o façam cair na chamada “malha fina” e ter problemas.

Confira a seguir quais são os passos para fazer uma declaração do imposto de renda da maneira certa e simples em 2022!

Você vai precisar reunir os documentos necessários

A primeira coisa que você precisará fazer antes de realizar a declaração do IR é reunir todos os documentos que são necessários e tê-los em mãos.

É isso que vai permitir a você fazer o preenchimento dos campos necessários na declaração da forma certa.

Você vai precisar declarar todos esses documentos:

  • RG;
  • CPF;
  • Comprovante de residência;
  • Título de eleitor;
  • CPF dos dependentes (se houver).

Além disso, você ainda precisará informar os seus rendimentos:

  • Os documentos que recebidos pelas fontes pagadoras (do seu salário), pela corretora de valores ou agentes financeiros (no caso de investimentos), entre;
  • As notas fiscais, no caso dos autônomos;
  • O extrato INSS, no caso dos aposentados (aqui é possível tanto ter acesso ao extrato direto do INSS no portal da autarquia ou ainda indo em uma agência física);
  • Os comprovantes relativos aos rendimentos e aos pagamentos dos aluguéis, como comprovantes ou os recibos de depósitos bancários);
  • Os recibos ou as notas fiscais relativos a procedimentos odontológicos, ou médicos, contendo sempre o CNPJ da empresa que prestou serviço;
  • Os comprovantes da compra e da venda dos bens, como imóveis, veículos e equipamentos eletrônicos;
  • Os comprovantes relativos aos gastos com a educação, como é o caso de despesas com instituições de ensino fundamental ou médio, superior, de pós-graduação, entre outros);
  • Os documentos relativos aos rendimentos dentro desse período de 12 meses entre uma declaração e outra, como aqueles relativos à herança, pensão alimentícia e doações;
  • Os documentos referentes às rescisões trabalhistas, sempre contendo os valores individualizados para cada salário, como férias, 13º e FGTS;
  • Uma cópia da declaração do Imposto de Renda do ano que passou, caso tenha declarado o IR no ano anterior.

O Programa da Receita Federal: o IRPF

Para quem declarou o IR em 2021, você muito provavelmente vai ter uma cópia do documento salvo em seu computador.

Essa cópia vai auxiliar muito a tornar o processo bem mais fácil e a atualização mais simples para essa nova declaração do imposto.

Por outro lado, no caso de ser a primeira vez que você vai declarar o IR, é preciso acessar o programa da Receita Federal, o IRPF e então fazer o download dele.

E como fazer isso?

Fazendo o Download do IRPF

O download do IRPF, o programa da Receita Federal, é muito fácil de ser feito, sendo tudo bastante intuitivo.

A primeira coisa que você precisará fazer é acessar o site da própria Receita e então clicar na opção “download do IRPF”.

Você deverá então escolher qual o dispositivo no qual deseja fazer o download deste arquivo, podendo ser em seu computador ou ainda diretamente no celular.

Após definir isso, clique na opção “download” e espere que o carregamento comece, clicando então no documento que vai permitir começar a instalação.

Quando você fizer isso, um atalho desse programa vai ser então instalado em seu computador.

Com a instalação finalizada, você deverá procurar o ícone desse programa em sua área de trabalho, que irá ser chamada IRPF 2021.

Escolhendo o tipo de declaração do IR

Agora que você já sabe o que precisa colocar em sua declaração e como fazer o download do programa IRPF, é hora de saber como começar a declarar o IR.

Na hora de fazer o preenchimento da declaração do IR, a primeira coisa a fazer é escolher qual tipo de declaração prefere.

Existem no IR três opções de tipos distintos e três opções em relação à escolha da sua declaração.

Em relação ao tipo, você vai precisar marcar a opção de “Declaração de Ajuste Anual”.

Por outro lado, na opção declaração você vai ter que escolher entre essas alternativas:

  • Iniciar Importando Declaração (essa é a opção destinada para o caso de querer aproveitar todos os dados, parciais ou integrais, presentes nas declarações anteriores que você fez no IR);
  • Importar Declaração Pré-Preenchida (essa é uma opção na qual é possível fazer a retomada do preenchimento de uma determinada declaração, no caso de você ter iniciado esse processo anteriormente);
  • Iniciar Declaração em Branco (é a opção a ser escolhida no caso da sua primeira declaração ou se quiser iniciar o processo de declaração do IR do zero).

Após ter escolhido o tipo de declaração, você deverá preencher ou fazer a 

atualização de todos os campos nos quais constem seus dados pessoais.

É o caso daqueles como, nome completo, número do CPF ou ainda o título de eleitor.

Após isso, você deverá declarar todas as despesas e as receitas que teve no ano anterior.

Você precisa escolher entre a declaração simplificada e a declaração completa

Quando você for preencher a sua declaração de IR 2022, vai ser possível fazer a escolha entre uma declaração simplificada ou completa.

A opção para escolher entre uma e outra fica no canto esquerdo inferior da página e é necessário ter atenção para escolher corretamente.

Você deve ter em mente que, depois que diversas informações forem preenchidas, o programa vai sugerir, automaticamente, a escolha entre a declaração simples e a completa.

É importante você ter em mente que a escolha da opção que seja mais adequada para sua declaração deve sempre ser definida previamente.

Para quem tem um grande número de despesas e muitos dependentes, a dica é sempre escolher a opção completa.

Isso porque vai ser possível ter um abatimento que seja muito maior sobre o valor do desconto do seu IR.

Por outro lado, se você não tem dependentes ou não possui despesas que possam ser deduzidas em seu imposto, a opção simplificada é a indicada.

O preenchimento da declaração do IR

Você vai precisar preencher todos os campos existentes em sua declaração de uma forma bastante atenta para que não ocorra nenhum erro.

Portanto, jamais faça tudo às pressas no momento de declarar seu imposto de renda, para evitar cometer erros.

Existirão diversas informações a serem informadas em cada um dos campos da declaração, como:

  • A identificação do contribuinte, colocando os dados básicos pessoais, se ainda não tiver feito qualquer declaração anterior;
  • A lista de dependentes, inclusive se algum deles recebe pensão alimentícia (cadastra no campo “Alimentandos”, colocando todos os CPFs e os rendimentos que são tributáveis que correspondem a cada um;
  • Os rendimentos tributáveis, ou seja, tudo o que representa ganhos recebidos pela sua empresa, como benefícios, salários e 13º;
  • Os rendimentos isentos ou não tributáveis, como é o caso daquele vindo da poupança ou de indenização de seguros;
  • Os pagamentos efetuados, como as despesas que tenha com profissionais de saúde, seja no Brasil ou no Exterior.

Revisando a sua declaração do IR

Após fazer todo o preenchimento das suas informações, você deverá realizar uma revisão para saber se está tudo preenchido da maneira certa.

Você vai precisar informar os seus dados bancários no momento de fazer o envio da declaração, para receber a restituição do IR.

Se você percebeu que declarou algo errado ou se esqueceu qualquer dado e já fez o envio da declaração, há como corrigir.

Basta que você entre no programa IRPF, selecione aquela declaração que enviou com erros, informe qual o número do recibo, faça a correção dos problemas e então envie a declaração novamente.

Conte com a ajuda especializada da Resultado Contábil Consultoria e Contabilidade

A declaração do IR 2022 é obrigatória para todas as pessoas que alcançaram o valor mínimo a partir do qual é preciso informar os dados à Receita Federal.

A melhor forma de fazer a declaração do seu IR da forma certa é por meio da contratação de um contador especializado, evitando problemas futuros.

Especialmente se você for pessoa jurídica, pois é preciso seguir as exigências legais e evitar pagamento de multas e sanções legais. 

Por isso, a Resultado Contábil Consultoria e Contabilidade é uma opção para pessoas físicas e jurídicas na hora de fazer a declaração de imposto de renda. 

Além disso, oferecemos várias soluções para a sua empresa, seja no início de suas operações ou mesmo na gestão de seu negócio.

Portanto, não perca mais tempo e entre em contato conosco agora mesmo ao clicar no botão do WhatsApp, localizado no canto inferior direito da sua tela.

ENTRAR EM CONTATO!

Se você precisa de serviço relacionado ao artigo ou necessita de maiores informações sobre o assunto, conte conosco, da Resultado Contábil Consultoria & Contabilidade.

Somos uma empresa que tem como objetivo auxiliar os nossos clientes a terem um negócio de sucesso. A nossa missão é te ajudar a crescer e aumentar o seu lucro, por isso conte sempre conosco!

Entre em contato conosco utilizando as informações disponibilizadas em nosso website; caso prefira, você pode utilizar a ferramenta de chat do WhatsApp, ela fica localizada no canto inferior direito.

Sendo assim, basta nos chamar! Esperamos por você!

PRESSIONE AQUI AGORA MESMO E FALE JÁ CONOSCO PARA MAIS INFORMAÇÕES!

Fique por dentro de tudo e não perca nada!

Preencha seu e-mail e receba na integra os próximos posts e conteúdos!

Compartilhe nas redes:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

This Post Has 0 Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Posts Relacionados

Back To Top